Filhos?

Há tempo não nos víamos. Ele, envolvido com suas inúmeras atividades devidamente anotadas e organizadas para dia e hora certos. Eu, imersa em minha desorganização caótica de pessoa que, embora tenha muitas agendas, termina o ano com todas elas em branco. Falta-me dar a permissão a mim mesma para seguir um planejamento, o qual nem ouso registrar para não ter que lidar com a obrigação … Continuar lendo Filhos?

Eu, procuradora!

Era manhã chuvosa e um pouco fria em que acordara cedo para me aprontar o melhor que pude com as máscaras exteriores que davam a mim outros ares: salto alto, vestido preto, casaco preto, cabelos escovados, maquiagem suave, lábios escuros. Devidamente montada, como dizem as drag quens, cheguei à empresa, onde pegaria alguns processos, os quais levaria para casa. Enquanto andava num dos corredores, ouvi … Continuar lendo Eu, procuradora!

O ovo e a galinha (A mulher como instrumento para a continuação da espécie)

O conto de Clarice Lispector, intitulado Atualidade do ovo e da galinha, continua sendo um de seus textos mais enigmáticos, quiçá o mais. Sobre ele, a própria escritora declarou, numa entrevista para a TV Cultura, que não o entendia muito bem. Também sobre ele, debrucei-me por alguns dias. Li, reli, interpretei, reinterpretei. Estava disposta a elucidar aquilo que parecia oculto à própria autora. Dormi e … Continuar lendo O ovo e a galinha (A mulher como instrumento para a continuação da espécie)

O medo do ridículo

O medo é um sentimento que acompanha o ser humano desde o começo de sua existência. Sem ele, talvez a espécie sequer tivesse sobrevivido, uma vez que se exporia a perigos que poderiam levá-la ao aniquilamento. Essencial para a continuidade do homem na Terra, o medo constitui-se uma das causas por que ele conseguiu se proteger, se estabelecer e perpetua há tantos anos. No entanto, … Continuar lendo O medo do ridículo

A terceira perna

É apenas com duas pernas que se anda. Tão logo aprendemos a caminhar, dispensamos o apoio dos objetos e soltamos as mãos de nossos pais para, sozinhos, explorarmos a casa e os seus arredores. A criança se entrega em direção ao ímpeto de descoberta, e cada situação ou coisa que lhe surge, ainda que repetidamente, é como se nova fosse. Ela consegue se encantar com … Continuar lendo A terceira perna

A arte da guerra, de Sun Tzu

Esse livro foi escrito há mais de dois mil anos e trata-se de um manual de estratégia militar. Entretanto, alcançou diversas áreas do conhecimento, podendo ser aplicado, inclusive, nas nossas pequenas guerras diárias.Qualquer Estado que se põe a guerrear tem por finalidade um único objetivo: vencer. Conosco, não funciona de forma diferente. Nossa guerra é a vida, o dia a dia, os afazeres, as obrigações. … Continuar lendo A arte da guerra, de Sun Tzu

Alice no País das Maravilhas, de Lewis Carrol

Antes de ler Alice no País das Maravilhas, resolvi pesquisar a respeito e pude constatar várias interpretações referentes a essa incrível história. Imediatamente, dei alguns passos para trás, pois não gostaria de ser influenciada pelas inúmeras visões existentes sobre a obra. Queria me manter distante de todas as análises prévias para conservar minha pureza e liberdade diante do livro, abstendo-me dos juízos por outros emitidos. … Continuar lendo Alice no País das Maravilhas, de Lewis Carrol

Almoço de domingo

O almoço desse domingo não seria como os outros. Cansada e indisposta em virtude de seus vinte quilos a mais, adquiridos até o oitavo mês da gravidez, nesse dia ela preferiu não ter que lidar com o peso das atividades domésticas e sugeriu ao esposo que fossem almoçar num restaurante. Faltava a ele coragem para lhe negar qualquer pedido desde que soubera que ela abrigava … Continuar lendo Almoço de domingo